Oleiros: Concurso literário termina com espetáculo de marionetas

0
5
Oleiros: Concurso literário termina com espetáculo de marionetas
- Publicidade -

O Concurso Literário de Poesia premiou ontem os vencedores assinalando em simultâneo o Dia da Marioneta. O Grupo de Teatro de Marionetas “Pandora Teatro”, dinamizou a peça “O Rei que comia histórias” numa alusão à importância dos livros e da poesia destinada aos alunos do 1º ciclo e do pré-escolar do concelho.

O espetáculo terminou com a entrega de prémios do Concurso Literário de Poesia dinamizado pela Divisão de Cultura do Município de Oleiros. Este concurso era destinado a todos os alunos do 1º ciclo do Agrupamento de Escolas Padre António de Andrade e tinha a temática da floresta e da água. O 1º lugar foi entregue a Guilherme Milheiro, autor da poesia “Floresta é Vida” que ganhou uma bicicleta; em 2º lugar ficou Júlia Martins com “A Vila de Oleiros” cujo prémio foi uma trotinete; em 3º lugar ficou Carolina Silva com “Fonte de Vida” premiada com patins; e empatados no 4º lugar Simão Branquinho com “Vida na Floresta” e José Miguel Lopes com “A água que cai” ambos premiados com jogos didáticos.

O Concurso pretendeu estimular o gosto pela escrita em particular de poesia, mas também celebrar o Dia da Poesia, o Dia da Água e o Dia da Marioneta.